O tempo voa: as séries clássicas dos games que se aproximam da meia-idade em 2016

Quando eu era bem novo, me lembro de pensar “nossa, não havia videogame quando meu pai era mais novo, então eles não devem existir há muito tempo”. Eu não estava errado, mas também não estava totalmente certo.

Em 1985, quando eu nasci, a indústria de videogames já havia introduzido ao mundo o Pong, o primeiro sucesso dos arcades, e o Magnavox Odyssey, o primeiro console caseiro, ambos em 1972. Donkey Kong, Frogger, e Space Invader já eram franquias famosas, e Super Mario Bros. viria a se tornar um ícone, dando ao videogame um status de relevância cultural.

Minha geração cresceu. Muitos já tiveram filhos, os quais, ao contrário de mim quando criança, provavelmente nunca tiveram a sensação de que videogames são uma coisa nova. Embora nada me impedisse de jogar videogame com meu pai quando eu era criança, ele não falava dos jogos “de sua época”, um papo que certamente deve acontecer entre pais e filhos atualmente. O mais curioso disso tudo é que crianças e adolescentes que cresceram jogando Gears of War há alguns anos estão beirando ou já entraram na vida adulta, atualmente.

E pessoas da minha geração estejam acompanhando as franquias clássicas dos games desde a infância, ainda há algo em mim que me deixa surpreso em saber que Zelda, Metroid e Alex Kidd tem praticamente a mesma idade que eu. Talvez seja a constatação de que videogames não são mais a coisa “nova” que eu sentia quando eu era criança. E tudo bem. Eles certamente são mais importantes do que nunca.

Veja também:
12 fatos que talvez você não saiba sobre a guerra entre Sega e Nintendo
Os 100 melhores jogos dos anos 90

 

  • FHC

    Eu fico feliz vendo isso, pois vemos como a indústria evoluiu e amadureceu.

  • Vinicius Siviero

    Engraçado ver que um jogo com 40 anos encontra nos aparelhos modernos um lugar para renascer. BreakOut parece mais gostoso de jogar com os sensores de movimento do meu smartphone que nos controles de Atari de antigamente.

  • PauloHDSousa

    Jogo de 40 anos atrás ainda é divertido.