Assassin’s Creed Unity, Assassin’s Creed Rogue, Far Cry 4, The Crew e outros jogos mais da Ubisoft não podem mais ser encontrados no Steam.

O fato foi primeiro descoberto no Steam do Reino Unido. Em resposta à PCGamesN, um representante da Ubisoft afirmou que a empresa “está discutindo com a Valve sobre Assassin’s Creed Unity, mas, atualmente, o jogo não está disponível no Steam do Reino Unido. Enquanto isso, os clientes do Reino Unido que gostariam de comprar o jogo digitalmente podem fazê-lo visitando a loja da Uplay, lojas físicas e outros sites de distribuição digital”.

No momento em que o fato foi notado a especulação era que isso se devia por conta do preço que a Ubisoft quer cobrar pelos seus jogos. De acordo com a PCGamesN, o preço mais alto comumente visto no Steam do Reino Unido é de £39.99 (valor cobrado pelo recém lançado Call of Duty: Advanced Warfare), porém a Ubisoft, através do Uplay, está cobrando £49.99 por Asssassin’s Creed Unity.

A especulação tinha mérito até pessoas começarem a reparar que os jogos da empresa foram retirados do Steam em diversas regiões do mundo. De acordo com a Gamespot os títulos não podem ser encontrados na plataforma da Valve nos EUA, e outros, em uma discussão do NeoGAF, afirmaram que na Alemanha e Holanda o mesmo se verifica. Nós checamos o Steam do Brasil e observamos o mesmo. Nenhum dos jogos citados no início desta notícia podem ser encontrados na loja. Ao realizarmos uma pesquisa no Google notamos que a página desses títulos aparece como resultado, porém, ao clicar nelas, somos levados para a página inicial do Steam. Curiosamente eles ainda podem ser vistos em outras plataformas de distribuição digital, como GamersGate e GreenmanGaming,

Leia mais sobre Ubisoft:
Novo trailer de Assassin’s Creed Unity mostra trechos da Segunda Guerra Mundial
Jade Raymond deixa a Ubisoft após 10 anos na empresa
Just Dance Now já contabiliza mais de 6 milhões de downloads; Brasil é top 5 da lista

O que se lê com isso é que a Ubisoft provavelmente está se preparando para fortalecer o Uplay como plataforma, da mesma forma que a EA fez com o Origin. O Uplay, em minha experiência, é apenas uma chatice entre você e o jogo, uma ativação a mais pela qual você deve passar antes de jogar o que quer. Algumas das recompensas que ele oferece, como itens adicionais dentro do jogo, são interessantes, mas nada daquilo é vital.

Nós entramos em contato com a Ubisoft para sabermos o motivo por trás da retirada dos jogos e atualizaremos de acordo com a resposta que obtivermos.