Depois de passar os últimos dois anos trabalhando para a Valve, o economista Yanis Varoufakis terá um desafio muito maior pela frente, agora que foi nomeado ministro das finanças da Grécia, como confirmado em seu próprio blog pessoal.

Afundado em dívidas bilionárias com a União Européia e o FMI, o país elegeu neste último domingo (25) o partido da esquerda Syriza, que nomeou Varoufakis para o cargo de ministro das finanças, com a promessa de renegociar as dívidas com os credores e propor novas medidas econômicas ao país – que, de preferência, não envolva venda de chapéus e cartinhas virtuais.

Em meados de 2011, quando a Valve introduziu atividades econômicas à sua plataforma Steam, permitindo que os usuários vendessem, comprassem e trocassem itens virtuais, ela seu viu obrigada a contratar um acadêmico para ajudá-la a estruturar um sistema econômico equilibrado e funcional.

Leia mais:
Steam agora permite transmissões ao vivo com o Steam Broadcasting
Após ameaçar Gabe Newell de morte, desenvolvedor tem jogo removido do Steam

Neste mesmo período, Yanis Varoufakis, economista grego e professor universitário, era um dos nomes mais proeminentes durante a crise econômica da Europa em 2009, o que fez com que Gabe Newell, presidente da Valve, tentasse uma aproximação, que acabou resultando em sua contratação, como é detalhado no blog de Varoufakis na Valve.

  • PauloHDSousa

    Tem tudo para dar certo.

  • Gustavo Freitas

    ainda acho que vender itens virtuais poderia tirar a Grécia do buraco….

    O cara que vendesse um chapéu a U$0,03 , estaria rico igual os protagonistas do Eurotrip quando vão para Alemanha oriental…

  • Eduardo

    Henrique, parabéns por não ter escrito que o Syriza é um partido de Esquerda “Radical”

  • Odilon Junior

    Hats?