Jogos do Sonic não são bons há algum tempo. Eventualmente um novo título da série aparece, como Sonic Lost World, apresentando um certo brilho que nos faz lembrar do que a série já foi, dando a esperança de que a Sega insistirá em uma continuação no mesmo universo, refinando os elementos que deram certo naquela nova encarnação e se livrando do que deu de errado. Mas, como sempre, a empresa insiste em refazer tudo do zero, adicionando aos títulos elementos desnecessários a eles (como transformar Sonic em um lobisomem), nos fazendo perceber que ter esperança no ouriço é ingenuidade.

A mais recente recriação da figura de Sonic em Sonic Boom é uma tragédia particularmente forte, até mesmo para os padrões da franquia. Criada conjuntamente a uma série para a TV (cuja qualidade da animação me pegou de surpresa por ser superior ao que eu esperava), Sonic Boom: Rise of Lyric, para Wii U, e Sonic Boom: Shattered Crystal, de 3DS, foram unanimemente criticados pelos seus diversos problemas, tanto pela imprensa quanto pelo público. Em especial Rise of Lyric, o título para console possui entraves técnicos, bugs, uma taxa de quadros inconsistente e um texto que tenta ser cômico, mas só consegue ser engraçado pelo quão ruim é.

A quantidade de elementos negativos foi, desta vez, suficientemente forte para afastar os consumidores. Em seu relatório de finanças mais recente, a Sega apontou que Sonic Boom foi a entrada da franquia com piores vendas da história. As versões de Wii U e 3DS somadas acumularam um total de 490 mil unidades comercializadas.

Leia mais:
12 fatos que talvez você não saiba sobre a guerra entre Sega e Nintendo
Sega fará filmes e séries baseadas em Golden Axe, Altered Beast e outras franquias clássicas

Enquanto 490 mil é um número de fazer inveja a muitos outros jogos, ele é bem pequeno para um título que estrela o mascote que em décadas passadas chegou a rivalizar com Mario. Para se ter uma comparação clara, Sonic Lost World, que também foi lançado exclusivamente para Wii U e 3DS, teve um total de 710 mil unidades vendidas; e isso em uma época em que a base de usuários do Wii U era ainda menor do que a atual. Voltando mais um pouco, Sonic & All-Star Racing Transformed (que não é propriamente apenas do Sonic, mas sim de todas as franquias da Sega) alcançou a marca de 1,3 milhão de unidades, enquanto em 2011 Sonic Generations chegou a 1,8 milhão. Muito longe das 15 milhões de cópias de Sonic The Hedgehog, ou das 6 milhões de Sonic 2, mas, ainda assim, números impressionantes.

Resta saber agora qual o futuro do ouriço. A Sega recentemente anunciou a aposentadoria forçada de muitos de seus empregados e disse que terá um foco maior no digital. Nós sabemos que Sonic Runners, para iOS e Android, será lançado em algum ponto de 2015. Porém, é difícil de acreditar que a única aparição de Sonic em todo o ano será em plataformas mobile.

Nem todos os jogos distribuídos pela Sega tiveram uma aceitação abaixo da esperada. De acordo com a empresa, Alien Isolation teve mais de 1,7 milhão de unidades vendidas ao redor do mundo.

  • Vinicius Siviero

    Pessoas foram demitidas.

    • rodrigo

      phâaaarias pessoas foram

  • Carlos Gilberto

    triste pela franquia, o fato é que a sega não sabe o que fazer com ela e o pessoal do Sonic Team falharam muito, tentaram jogar a franquia na mão de uma empresa que mudou totalmente os personagens, não precisava saber muito contudo só de olhar os primeiros videos que dava para observar que era bomba, Sega poderia tentar fazer acordo com a nintendo para produzir ou qualquer coisa do tipo, não é possível um personagem tão legal e que fez parte da infância de muita gente ser tão marginalizado. Acho que ta na hora do jogo dar uma pausa para pensar em um rumo melhor a franquia pois ela ja está se tornando irrelevante, infelizmente.

    • riquesampaio

      A Sonic Team tem acertado bastante sim. Sonic Colors, Generations e Lost World são todos muito bons para quem gosta da série moderna. Sabe-se lá por qual razão a Sega decidiu dar seu personagem mais valioso para uma empresa X ocidental que claramente não sabia o que estava fazendo.

      • Carlos Gilberto

        Você esta certo, vacilei não ter procurado os ultimos trabalhos deles, são jogos legais mesmo, acho que concordo que a sega falha em não dar uma direçao a serie, em vez de melhorar aquilo que foi criado eles tem o trabalho de iniciar do zero.
        Obrigado pela atenção