Com episódios na Índia, China e Rússia, Assassin’s Creed Chronicles pode ser o frescor que a série precisa

Depois de ter anunciado Assassin’s Creed Chronicles: China no ano passado, a Ubisoft revelou mais dois jogos da sub-série, que formarão uma nova trilogia: India e Russia.

Em desenvolvimento pelo inglês Climax Studios (responsável pelos competentes Silent Hill Origins e Shattered Memories), Chronicles traz mecânicas 2D e apresenta uma bela estética aquarelada, com efeitos estilizados, como pinceladas vermelhas que lembram manchas de sangue durante os combates e padrões geométricos que acompanham os movimentos dos personagens, remetendo à grafismos e tradições locais dos países onde os jogos se passam. Os jogos se passam no início da queda da dinastia Ming, durante os preparativos do império Sikh para a guerra na Índia e na sequência do Outubro Vermelho, na revolução russa.

O primeiro jogo a ser disponibilizado é Assassin’s Creed Chronicles: China, por US$ 9,99 (R$29,90). Os compradores do season pass de Assassin’s Creed Unity o receberão sem custos extras. Ele será disponibilizado no dia 21 de abril para PS4, Xbox One e PC. Assassin’s Creed Chronicles: India e Russia chegarão posteriormente.

Veja o trailer:

  • Leandro Tavares

    Leio dinastia Ming e só consigo pensar em Flash Gordon.

  • Jonathan Menegalli

    ia ser muito louco se eles tivessem usando aquele esquema do grow home pra animar os personagens

  • rodrigo

    isso me cheira a Subway Surfers

  • Gustavo Sanjuán

    A Ubisoft tá com uma oportunidade de ouro aí. Eles fazem mais dois jogos desses aí (um na África do Sul e outro no Brasil) e lançam os 5 jogos em mídia física com o nome de Assassin’s BRICS.