The Witcher 3 é um jogo lindo e vem recebendo ótimas críticas, mas se comparado lado à lado com trailers mostrados anteriormente, há quem diga que ele não atinge o mesmo grau de beleza dos vídeos promocionais, mostrados em 2013. E, em entrevista ao Eurogamer, desenvolvedores da polonesa CD Projekt Red assumiram a discrepância.

Segundo co co-fundador do estúdio, Marcin Iwinski, durante o desenvolvimento a equipe precisou mudar o sistema de renderização, ou não conseguiria manter a performance do jogo estável, por conta da transição de dia e noite.  “Talvez não devêssemos ter mostrado aquele trailer, eu não sei, mas nós não sabíamos que [o sistema de renderização antigo] não iria funcionar, então não é como se estivéssemos mentindo ou agindo de má fé”, disse Iwinski.

Veja também:
– Há uma cena de sexo sobre um unicórnio em The Witcher 3
– Impressões: as implicações da magnitude de The Witcher 3

“Nós não concordamos que se trata de um downgrade, mas essa é nossa opinião, e os jogadores podem discordar. Se eles fizeram sua compra baseada nos materiais de 2013, eu sinto muito por isso, e estamos discutindo como podemos compensá-los, porque não é justo.”

Uma primeira atualização de The Witcher 3 foi disponibilizada nesta quinta-feira (21) para sua versão de PC. Com ela, diversos elementos gráficos são corrigidos ou aprimorados, e opções de performance e melhorias visuais foram adicionadas. Nos consoles, a atualização chega posteriormente.

The Witcher 3: Wild HuntGeralt confronta uma matilha de lobos em The Witcher 3: Wild HuntThe Witcher 3: Wild HuntThe Witcher 3: Wild HuntThe Witcher 3: Wild HuntThe Witcher 3: Wild HuntThe Witcher 3: Wild Hunt