No Man’s Sky apareceu na coletiva da E3 2015 da Sony, que aconteceu no final desta segunda-feira (15), e mostrou mais do universo infinito que a Hello Games está prometendo.

Além de visitar um sistema solar desconhecido, Sean Murray da Hello Games demonstrou algumas das mecânicas de exploração e combate do título.

No Man’s Sky chega ainda este ano para PlayStation 4 e PC.

  • Zé Luiz

    Esse jogo foi a coisa que mais me empolgou em termos de “nova geração” desde a primeira vez que ouvi falar dele, mas começo a sentir uma estranha sensação que essa vocação titânica está começando a me intimidar. Não vejo como esse universo tão grande consiga se manter interessante e “fresco” por muito tempo. Me parece inevitável que visitar esses planetas se tornará rapidamente um exercício repetitivo e enfadonho, tal como um Starbound em primeira pessoa. Ainda assim estou disposto a bancar a aposta e pagar pra ver.

    • OfudouMyou

      Eu sinto a mm coisa, cara. Aquela quantidade absurda de planetas que o cara mostra tão orgulhosamente pra mim soa terrível. Um vai ter a árvore vermelha, outra vinho, outra bordô,outra magenta kkkkk

      A verdade é que me parece muito pouco interativo pra sustentar um mundo tão “grande”. Aliás, grande não , “espaçado “,se é que você me entende kkkk

      • Zé Luiz

        Pois é, bem isso. Essa grandeza que os desenvolvedores tanto se apegam pra justificar porquê o jogo “vai ser incrível” me parece um puta tiro no pé. Tá certo que é bem injusto criar conceitos sem ver o produto final, mas a cada apresentação do game que passa ele me soa mais como uma caixa gigantesca, toda colorida e bonita, que não tem nada grande o bastante guardar ali dentro.

    • Leandro Tavares

      Então por enquanto quem comenta aqui está com o pé atrás. A ideia e o feeling parecem algo genial e necessário, mas a falta de foco preocupa. Tipo quando rola uma manifestação aqui no Brasil 😛

  • Jordan Tabosa

    Só vou comprar meu PS4 quando puder jogar isso.