A edição de 2015 da Brasil Game Show dedicará cinco vezes mais espaço aos desenvolvedores independentes brasileiros que a edição de 2014. Desta vez o Pavilhão Indie será distribuído em 36 estandes, que serão ocupados por estúdios pequenos brasileiros, além de um norte-americano.

Dentre os estúdios confirmados estão:

Duaik Entretenimento, de Aritana e a Pena da Harpia, lançado recentemente para o Xbox One;

Flux Game Studio, de V de Vinagre;

Messier Games & Animations, que foi beneficiada pela Lei Rouanet no desenvolvimento de seu jogo Kriaturaz;

Samaritan Studios, que busca aprovação no Steam Greenlight com Rise of the Keepers;

Overlord Game Studio, que busca financiar seu action RPG Tiny Little Bastards;

Odin Game Studio, de Enforcer: Police Simulator, Better Late Than Dead e seu novo action RPG Aerea.

Alguns estúdios que participaram da edição 2014 do evento retornam neste ano, como a Reload Game Studio e a Garage 227. O estúdio norte-americano Data Realms, de Cortex Command, também estará presente no espaço, apresentando seu novo jogo Planetoid Pioneers.

Veja mais detalhes no site oficial da Brasil Game Show.

A BGS 2015 acontece entre os dias 8 e 12 de outubro, no Expo Center Norte, em São Paulo.

  • rodrigo

    eu li Overloadr games studio hahahah

    • Marcelo

      Depois dos jogos do mMRG e do 99 Vidas, será que teremos um do overloadr? Espero que não seja um JRPG

      • Tais

        tomara que seja um dating sim com o rique jogável 8DDD

        • rodrigo

          dizem que será um RPG de dança, com turnos de shot de tequila,

  • PauloHDSousa

    Indie é o futuro.