Cada vez mais informações sobre o suposto PS4.5 aparecem na mídia, dando ainda mais indícios de que um update do console da Sony está, de fato, em andamento. As novidades que chegam agora foram descobertas pelo Giant Bomb, que aponta que o console tem codinome NEO, custará US$ 399 e jogos que suportam as melhorias do novo hardware já devem aparecer em outubro deste ano. A fabricante ainda não comentou o assunto.

Com avanços interessantes no hardware, NEO contará com uma placa de vídeo melhorada, maior banda de memória e velocidade do clock do processador superior ao original:

PS4 Original NEO
CPU 8 Jaguar Cores a 1.6 GHz 8 Jaguar Cores a 2.1 GHz
GPU AMD GCN, 18 CUs at 800 MHz AMD GCN, 36 CUs at 911 MHz
Memória 8 GB GDDR5, 176 GB/s 8 GB GDDR5, 218 GB/s

Vale notar que os arquivos obtidos pelo site indicam que os jogos, a partir de outubro, deverão ter duas opções: a básica, que rodará no PS4 atual, e uma específica para o NEO, aproveitando assim as melhorias do console – que irão variar entre mais estabilidade no framerate dos jogos, maior fidelidade gráfica e suporte à tecnologia 4k (esta última novidade a Sony está deixando em aberto para os desenvolvedores que podem ou não fazer seus jogos em 4k).

Uma coisa interessante de acordo com os documentos, é quantas vezes a Sony reforça que não pretende dividir a sua base de consoles instalados. Os dois videogames irão compartilhar da mesma PSN, jogos multiplayer irão se conectar a ambas as plataformas e nenhum desenvolvedor deve criar itens específicos aos donos do NEO. A ideia é simples: quem tiver o novo videogame receberá uma versão técnica melhorada dos jogos, mas não terá benefícios que afetem gameplay de forma alguma.

Mais sobre o NEO:
Rumor: Sony está trabalhando em uma versão melhorada do PlayStation 4

Além disso, é frisado que os periféricos antigos devem rodar normalmente na atualização do hardware. Porém, nada é dito sobre PlayStation VR. De qualquer maneira, é fácil especular que com a melhoria técnica do NEO, as experiências em realidade virtual nele devem ser melhores.

Jogos que foram lançados antes do NEO podem receber patches que se aproveitem da atualização do sistema, mas a Sony também deixa isso a cargo dos desenvolvedores.

Toda essa história é realmente interessante, ainda mais quando NEO aparece a um preço equiparável ao lançamento do PS4 original, abrindo assim uma possibilidade de queda de preço. Isso sem falar que a notícia se alinha ao que a própria Microsoft já estava falando sobre a possibilidade de atualizar o hardware de seu Xbox One. Resta saber se o caso é específico ou é uma tendência: consoles receberão updates de hardware com frequência? O público gosta dessa ideia? Deixe sua opinião abaixo!