Pela primeira vez a E3 terá um evento à parte do principal e aberto ao público. Foi anunciado na manhã desta segunda-feira (23) a E3 Live 2016, feira que ocorrerá do dia 14 ao dia 16 de junho.

De acordo com o site oficial, a E3 Live será localizada no L.A. Live, que fica no centro de Los Angeles (a E3 normal acontece no Los Angeles Convention Center). Dentre as atrações prometidas estão demonstrações de jogos, música ao vivo, encontros com “personalidades da indústria”, concursos de dança e outras coisas mais. Os interessados em irem a E3 Live 2016 deverão se registrar para poderem receber seus ingressos, que são gratuitos.

A aparição da uma E3 aberta aos fãs é mais uma evidência das mudanças que a feira como um todo deve sofrer nos próximos anos. Diversas empresas não estarão mais presentes no local em 2016, como Activision e Disney (que recentemente abandonou o desenvolvimento e criação de jogos). Isso sem contar Nintendo, que terá apenas um jogo em demonstração no pavilhão, e EA, que montará um evento próprio na mesma época.

A E3 ainda tem relevância, certamente, mas o movimento atual indica que empresas estão mais interessadas em conversarem com seus públicos diretamente, através dos diversos canais e redes sociais disponíveis, sem a necessidade de montarem um espetáculo caro e grandioso para alguns membros da imprensa e indústria. Com isso, eventos fechados ao público perdem progressivamente o sentido, ainda mais quando vemos o sucesso que feiras como PAX, Gamescom e Paris Games Week têm todo ano.

A criação da E3 Live é algo interessante. Ainda parece que seria mais simples dedicar alguns dias da feira normal a imprensa e abrir alguns outros a todo público, como ocorre na Tokyo Game Show. De qualquer maneira, a existência de tal evento mostra uma ESA ciente das mudanças que ocorreram na indústria desde a primeira edição da E3. Vejamos quais outras novidades a associação apresentará nos próximos anos.

  • Guilherme Gondin

    Já não era sem tempo.