Uau. Eu ainda estou abismado olhando para a tela, tentando entender que pessoa, em sã consciência, aprovou o mais recente trailer de Mighty No. 9.

Após diversos atrasos e atitudes questionáveis por parte de Keiji Inafune, Mighty No. 9 está quase em nossas mãos. A bem da verdade é que a essa altura a boa vontade que o público tinha para com o título foi dissipada, sendo então essa a hora d ser provado que vale a pena prestarmos atenção nele novamente. Em vez disso, o trailer de lançamento do título utiliza um tom completamente alheio do resto de sua campanha de marketing, no processo fazendo piadas inócuas e bastante bobas. Ironicamente, ele não percebe que a única piada é o próprio vídeo.

Em certo momento o narrador afirma que seus poderes farão inimigos chorar “como fãs de anime na noite de formatura”, algo curioso dado que os personagens bebem diretamente da estética de animes. Eu esperaria uma piada ruim dessa saindo da boca do Duke Nukem; isso aparecer em Mighty No. 9 soa apenas como um grito de desespero por parte da Comcept e da Deep Silver.

Para piorar, nada do que é mostrado do jogo em si parece particularmente bom. Por algum motivo há closes em explosões, compostas de texturas borradas e feias, dando um ar de barato a toda produção.  Enfim, nós saberemos exatamente qual a qualidade dele no dia 21 de junho.