Um novo prego foi batido no caixão dos sites de apostas de Counter-Strike: Global Offensive.

Após a Valve ter feito um pronunciamento ontem, no qual afirmou que pediria o encerramento das atividades dos sites de apostas em CS: GO, hoje foi a vez do Twitch anunciar que não permitirá mais transmissões dessa natureza. Ou seja, a partir de agora usuários não poderão mais fazer vídeos ao vivo no qual apostam skins e afins em troca de dinheiro em Counter-Strike.

Em nota, o Twitch teve o seguinte a dizer:

“Hoje a Valve lançou um pronunciamento deixando claro qual é o uso pretendido do sistema de trocas do Steam e do API OpenID. A Valve especificamente ressalta que ‘usar o API OpenID e usar de contas automatizadas que agem como usuários do Steam para fazer um negócio de apostas funcionar não é permitido pelo nosso API nem pelo nosso acordo de usuários.’

Como lembrete, de acordo com os termos de serviço do Twitch, aqueles que fazem transmissões não têm permissão de fazerem streams de conteúdo que quebra os termos de serviço do acordo de usuários de empresas terceiras. Dessa forma, conteúdo nos quais são promovidos serviços que violam as restrições delineadas pela Valve são proibidos no Twitch. Nossas regras de conduta listam outros exemplos, com jogar jogos piratas ou em servidores piratas não autorizados.”

Transmissões e vídeos de pessoas fazendo apostas em CS: GO tornaram-se bastante populares já há algum tempo em comunidades como o Youtube. Apesar de terem sempre sido alvo de críticas de alguns, o assunto todo ganhou força recentemente quando dois populares Youtubers, Trevor “Tmartn” Martin e Tom “Syndicate” Cassel, foram descobertos como donos do CS:Lotto, site que eles promoviam sem deixarem claro que comandavam a empresa. Isso vai diretamente contra as regras da FTC (Federal Trade Commission), além de ter colocado em xeque, para muitos, a confiança tida em sites dessa estirpe.

Em meio a isso, dois jogadores entraram com processos contra a Valve, dizendo que ela está sendo cúmplice e lucrando com atividades de apostas em seu jogo. Até a emissão nota de ontem em que falava do pedido de encerramento das atividades que promovem apostas em CS: GO, a Valve ainda não havia se pronunciado sobre o assunto.