Night Trap está completamente 25 anos e, com isso, ganhará uma versão remasterizada. O trabalho está sendo feito por um estúdio chamado Screaming Villains, que lançou um trailer da nova versão do infame jogo em FMV.

Pelo que pôde ser visto, Night Trap – 25th Anniversary Edition contará com vídeos em maior resolução e uma interface modificada em relação ao controle de câmeras. Além disso, as pequenas janelas que representam os diferentes cômodos da casa aparentam agora oferecer um feed ao vivo, tornando mais intuitiva a caçada aos Augers que querem atacar as garotas hospedadas no local. Essa funcionalidade pode ser desligada, tornando os ícones inferiores imagens estáticas, deixando mecanicamente a experiência tal qual a original.

Como um bônus, a Screaming Villains disponibilizou em seu site um MP3 com a música tema do título, que é cantada pelas protagonistas em uma cena tão ruim que é absolutamente incrível. Por último, o lançamento também terá, em quantidades limitadas, uma edição física.

O jogo está previsto para ser lançado em breve para PlayStation 4 e Xbox One. O site oficial diz apenas “primavera” (nosso outono), estação em que já estamos, então não deve demorar para ele estar disponível.

Night Trap foi polêmico em sua época devido ao que foi descrito pela grande mídia como cenas de violência contra garotas. O rebuliço, somado a outras coisas como Mortal Kombat, acabou culminando na criação da ESRB, órgão que classifica etariamente videogames nos EUA. Para os padrões de hoje, no entanto, é cômico que as cenas de Night Trap tenham sido consideradas pesadas, ainda mais quando todos os envolvidos estavam claramente (e assumidamente) se focando em uma veia cômica.

Para ver mais de Night Trap, assista à nossa série HRQ vs. FMV, em que jogamos a aventura inteira. O primeiro episódio está disponível abaixo:

  • rodrigo

    obrigado a pessoa que colocou também no feed esta maravilhosa musica do cancioneiro de jogos

  • Doki

    Gente, que noticia legal!
    uma pena que não vai estar disponivel para a steam. Vou realmente considerar comprar a versão de Xbox One para jogar no meu notebook.