Ao menos em seus trailers, Sonic Forces não está muito convincente até agora: jogabilidade aparentemente dura, clima sombrio, fases pouco inspiradas etc. Uma novidade, porém, pode fazer o jogo virar: pela primeira vez na série, poderemos criar nosso próprio integrante do universo Sonic. Ferramentas de criação de personagem não são nenhuma novidade, mas quando consideramos o fandom de Sonic e sua gigantesca cena de OCs (personagens originais), não há como não pensar no que isso significa.

Ao que mostra o novo trailer, será possível customizar seu herói de diversos modos, mesclando diferentes tipos de características faciais, pelugem, anatomia, cor e equipando-o com acessórios e gadgets, que garantem habilidades.

Dependendo de como a Sega tratar esse editor e do que for possível criar com ele, isso pode se tornar algo grande, especialmente se haver algum tipo de compartilhamento de conteúdo.

Personagens de Sonic criados por fãs ocupam provavelmente uns 20% de toda a internet mundial — 80% deste total vindos do DeviantArt e do Tumblr (informações não verificadas). Faça um teste: procure seu nome no Google com “the Hedgehog” na frente e você provavelmente descobrirá que sua versão “Sonicficada” já existe. Dá até para dizer que a Sega chegou um pouco atrasada, se formos considerar os editores de personagens em Flash espalhados pela internet desde o começo do século.

Sonic ForcesSonic ForcesSonic ForcesSonic Forces

De qualquer forma, isso é mais um sinal de que a Sega parece compreender, com Sonic Forces e Sonic Mania, qual é o estado do Sonic, 25 anos após seu nascimento. E que se o personagem continua sendo popular até hoje, uma parte disso se dá pelas fan-fics bizarras e “personagens horriginais” criados pela sua base de fãs.

A internet, obviamente, entrou em polvorosa com a notícia:

Sonic Forces chega no final de 2017 para PC, PlayStation 4, Xbox One e Switch.

Veja também: