Um dos jogos multiplayer mais divertidos do ano passado, Overcooked chega nesta quinta-feira (27) ao Nintendo Switch.

Apesar de estar sendo chamada de Overcooked: Special Edition, a edição é largamente a mesma que já vimos no PC, PlayStation 4 e Xbox One. A diferença é que ela já conta com os DLCs lançados posteriormente e fará uso do “Rumble HD” dos Joy-Cons.

Para os que nunca jogaram, o título desenvolvido pela Ghost Town Games pede que jogadores cooperativamente cozinhem diferentes pratos, como hambúrgueres, sopas e pizzas, se coordenando para fugirem de adversidades proporcionadas pelos estágios, como mesas mal-assombrada que insistem em mudar de lugar, terremotos que dividem a cozinha ao meio e ratos que adoram roubar os ingredientes que vamos utilizar. É uma completa bagunça que o que tem de caótica tem de divertida.

Como os controles são simples, cada jogador pode usar um Joy-Con, o que faz com que um só Switch já sirva para duas pessoas. Pelo que pude tirar de minha experiência jogando no PC, no entanto, o ideal será conseguir uma outra pessoa que tenha mais dois Joy-Cons ou dois Pro Controllers, pois, apesar do jogo ser legal mesmo em dupla, é em três ou quatro jogadores que ele realmente brilha.

Overcooked: Special Edition custará US$ 20 no eShop. Seu preço no Steam e no Xbox Marketplace é de R$ 39,00, enquanto na PSN ele pode ser encontrado por R$ 52,50. Para saber mais sobre o jogo, assista ao nosso Shuffle abaixo e leia nossa entrevista com Phil Duncan, um de seus desenvolvedores.

  • Marcelo Hagemann

    Só por curiosidade, o preso dele na Steam/Xbox Marketplace e na PSN já incluem as DLCs do jogo?

    • Heitor De Paola

      Não, a Gourmet Edition ou o Holiday Bundle são mais caros do que a versão base sem DLC.