We Are Chicago explora a perspectiva de um jovem negro nos EUA

Com exceção de jogos que nos permitem criar nossos próprios personagens, poucos títulos oferecem a chance de incorporarmos personagens negros. Ainda mais raros são jogos que trazem a perspectiva de um indivíduo afrodescendente inserido no mundo real. We Are Chicago é um deles, cujo foco é retratar a realidade de uma família negra em um dos bairros mais perigosos da cidade americana.

No papel de Aaron, um estudante que nota que um de seus amigos, Robert, deixou de frequentar as aulas, você precisa lidar com a violência abundante em sua comunidade. Através de situações do cotidiano, notamos a perspectiva de personagens inseridos em um cenário na qual a renda é baixa, as oportunidades são escassas e o crime é constante.

Veja também:
Sunset traz protagonista feminina e aborda movimento black power

Os criadores, que compõem o pequeno estúdio independente Culture Shock, localizado em Chicago, entrevistaram moradores de Englewood, um dos bairros mais violentos da cidade, e basearam os eventos e personagens do jogo nos depoimentos.

Parte dos lucros de We Are Chicago serão cedidos a grupos sem fins lucrativos que atuem na redução da violência e criação de oportunidades para famílias de Chicago.

We Are Chicago tem lançamento previsto para janeiro de 2017.