Com a participação de um convidado inédito, conversamos sobre alguns jogos recentes, como The Surge, Dead Cells e Next Jump. Também falamos do amor pelo Pinball, o confuso destino da IO Interactive, a enxurrada de coisas da Ubisoft que chegam ainda neste ano, a invasão do DeviantArt no próximo jogo do Sonic e mais.


Assine o nosso feed ou baixe o MotherChip #134 e escute no seu player predileto.

Participantes:

Henrique Sampaio
Alan Troib
Heitor De Paola

Assuntos abordados:

0 min – Recados: Boteco VIIrtual e Brazilians Against Time
5 min – Como falar de cultura pop em um momento como o atual
10 min – The Surge
23 min – Yooka Laylee
51 min – Zen Pinball 2: Alien vs Pinball
61 min – Next Jump: Shmup Tactics
74 min – Dead Cells
86 min – Notícias
114 min – Emails

Música do final: Junior Boys – A Truly Happy Ending

O Overloadr é um site movido a amor, a uma incrível comunidade e crowdfunding, especificamente via Apoia.se. Se você gosta do nosso trabalho, considere contribuir com nossa campanha de financiamento coletivo.

Envie emails com perguntas e sugestões para: motherchip@overloadr.com.br

  • Obrigado pela resposta.

    Realmente foi necessário uma pausa com o canal para eu poder me acalmar e botar a cabeça em ordem, inclusive a resposta de vocês me deu um ânimo maior para continuar produzindo.

    Agradeço ao pedido pelo link do canal, grande abraço e sucesso para vocês: youtube.com/dnokaneda

  • Matheus Portella

    Ri Alto com a transição da Lana Del Rey , “vídeo games”Ashauahahshau.

  • Caio_RB

    Olha, The Crew como sequência era óbvio porque o jogo vendeu muito bem e com o tempo, updates e dlcs o jogo se tornou outro e teve 8 milhões de jogadores antes de ser liberado free na live e pelo ubi 30, chegando a 12 milhões de jogadores.

    Sobre Final Fantasy XV, ele não só se pagou como ultrapassou as expectativas da Square. Ele inclusive foi um dos jogos citados no financial report da Square como um dos jogos que fez ela ter um dos melhores anos na história.

    E poxa, na da direct de arms no cast? 🙁 Não teve nada nas notícias mas ao menos esperava no cast

  • Anderson Cardoso

    Este The Surge definitivamente não é pra mim, meu deus se soubesse que era que nem que igual DS eu nem teria perdido tempo baixando.

  • Mateus Pacheco

    Caramba! Eu tive que dar pause e vir comentar.

    Nunca ouvi um Overloadr… é a primeira vez! E para minha surpresa, vocês abortam um assunto que eu sinto falta demais no cenário de cultura pop de um modo geral.

    Eu adoro ouvir e ver as pessoas que eu sigo pela internet falando deste assuntos que gostamos: games, filmes, séries, livros… Mas sinto uma falta absurda de ouvir e ver os meus influenciadores de cultura pop falando também de assuntos sérios, dando opiniões sobre o cotidiano político e social do Brasil. Gostaria demais de ver mais disso por ai.

    As vezes meio que nos gabamos de sermos nerds inteligentes, pois estamos sempre a frente do nosso tempo e temos as opiniões mais inovadoras sobre tudo, mas quando o assunto é uma coisa que foge do escopo do nosso dia a dia de diversão, as pessoas meio que deixam pra lá.

    Se você tem o mesmo pensamento que o meu, me adiciona ai.. vamos falar de política e sociedade sem ser fanático como são a grande maioria das pessoas.

    Enfim… são 3:50 da manhã e eu só queria comentar mesmo.

  • Thiago Nunes

    Espera aí… quem é Alan Troib?

    Passou o podcast e tudo que eu sei é que ele é advogado e aparentemente escreveu algumas resenhas de jogos que eu não acho no google. Alguma razão pra convidá-lo especificamente pro Motherchip? Pessoas que não tem ligação específica com videojogos podem ser convidadas? Isso é novo pra mim e estou confuser//

    Nada contra o rapaz, curti a participação dele.

  • Guilherme

    A Netflix tem House of Cards que é uma serie excelente. Kevin Spacey e a Robin Wright estão otimos. Ela não é tão popular como Sense8 por motivos claros, mas é bem superior.