Call of Duty: Infinite Warfare é o primeiro jogo da série voltado totalmente à geração atual feito pela Infinity Ward. Ghosts chegou a sair para PlayStation 4 e Xbox One, porém saiu também para os consoles anteriores, sendo pego na transição de gerações.

Infinite Warfare tenta muita coisa. Sua campanha tem missões secundárias, partes em que pilotamos naves, trechos de furtividade etc. Mas a sua base ainda é a mesma da que sempre vemos em Call of Duty e, por conta disso, nada mais empolga. É tudo muito previsível e esperado. Junto disso, há uma lerdeza chata na campanha, acompanhada de uma história especialmente brega e ruim que falha em convencer, Call of Duty: Infinite Warfare faz muita coisa, mas suas fundações estão arcaicas.

Leia a análise de Call of Duty Infinite Warfare