No âmbito dos videogames, o ano de 2016 será marcado pelo lançamento de dois títulos que estão há muito tempo em desenvolvimento: The Last Guardian e Final Fantasy XV. No entanto, há um terceiro jogo que também está no forno há quase uma década, porém um pouco menos conhecido do que esses outros dois de nomes maiores.

Owlboy teve seu desenvolvimento iniciado em 2007, um trabalho indie cuja ideia surgiu muito antes da abertura completa de plataformas como Steam, PlayStation Network e Xbox Live a estúdios desse porte.

Independente do seu fascínio por algo que possa ter demorado tanto para ficar pronto, uma coisa é certa. Owlboy é um excelente jogo que brinca com a ideia de nostalgia, utilizando de uma estética e conceitos que nos remetem à era do Super Nintendo, para então negar esses elementos. Na pele de um menino coruja, podemos voar indefinidamente, e para nos defender em combates contamos com a ajuda de companheiros que carregamos em nossas garras, capazes de atirar em oponentes que surjam.

Owlboy está disponível para PC.

Leia nossa análise de Owlboy

  • Julio Cesar

    QUE. JOGO. BONITO!

  • Lucas Andrade

    Porra, viajei de volta pra época do Super NES. *-* Lindo demais!