Estrelando os membros do podcast 99 Vidas, 99 Vidas: O Jogo é um título de beat ‘em up que faz referência aos clássicos do gênero, principalmente Streets of Rage. Sua trilha sonora e cenários detalhados merecem destaque, mas sua ação não vai além do que o estilo explorou em seu passado.

Entre as fases, é possível comprar melhorias com os pontos adquiridos, que mudam as animações de alguns combos, adicionando a eles os elementos de cada um dos personagens, como fogo e eletricidade.

99 Vidas: O Jogo está atualmente disponível para PC. Seu preço base no Steam é de R$ 29,99. Ele será lançado ainda no início de 2017 para PlayStation 4, PlayStation Vita e Xbox One, e posteriormente para Android e iOS.

  • Rodrigo Pillotto

    Os mendigos não estão e aquecendo no fogo, tão assando um galeto (ou um cachorro?).
    Quando ao cenários, são bem detalhados,e fazem muitas referencias as histórias contadas no podcast, como por exemplo o menino saindo da locadora pra vomitar, é de quando o Jurandir tava numa locadora e a dona chegou com o Mortal Kombat 2, segundo o Jurandir ele ficou tão empolgado que vomitou..

    O jogo parece bacanas, eu ajudei a financiar, estou esperando liberar a versão pra PS4 pra jogar.

    • Cesaeer

      Nossa cara, é tão chato ver em todo lugar os ouvintes do 99vidas tendo que explicar o porque disso e o porque daquilo…

      O jogo não se sustenta mesmo né?!

    • Radoc Lobo

      Se uma pessoa não acompanha o podcast, é normal não pegar as referências, isso não é um problema se o jogo foi bem pensado. No conteúdo do shufle não foi problema, apenas um pouco estranho mas a estranheza pode ser o diferencial que cria novos fãs.
      Se o jogo for um sucesso 99% das pessoas não serão de ouvintes do 99vidas e, com sorte, nem serão de brasileiros.

      • Anderson Cardoso

        Também torço para isto. Mais pela industria de games brasileiros do que pelo jogo em si que é bem fraco!

  • Catena’s Beauty Atelier

    O jogo é muito ruim… mas acho que quem ouve o programa dos caras deve entender e gostar mais
    prefiro emular streets of rage mesmo

    • Anderson Cardoso

      Concordo! e sim sou ouvinte a muito tempo do trabalho do Jurandir Filho. Entendo cada referência mas sempre que vejo no jogo acho … nhé … saca ? Do tipo, eu já ouvi isto em algum lugar, rejogo a fase e .. tá. agora lembrei! e só. Jogo bem fraquinho com uma ‘história’ bem pior.

  • Rogério De Souza Silva

    O.o

  • que legal adorei o review 100% compatível com todo resto do site que basicamente é um lixo completo desesperadoramente podre e amaldiçoado, tomara que 2017 sejá horrivel pra todos da equipe abração!